Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



 

 


Hoje não tenho muito tempo para escrever a minha redacção que a senhora professora mandou-nos para o recreio porque esteve na nossa sala a senhora Inspectora para ler as redacções de toda a gente. A senhora Inspectora nem precisava de cá vir porque lhe mandam as coisas para ela ver em casa e não ter de se incomodar mas ela é uma pessoa muito boa e mesmo não podendo que é doente anda que se farta. A senhora Inspectora era uma pessoa muito alta e muito magra e muito muito muito mas mesmo muito inteligente. Tão inteligente que os miolos pesavam assim como os sacos de batatas que o meu primo Zeca costuma acarretar. O peso era tanto que a senhora Inspectora esparramou-se e ficou atarracada e gorda. Os miolos agora misturam-se com as tripas e a senhora Inspectora vê-se à rasca para separar o que diz da merda que faz. Eu acho que a senhora Inspectora não vai gostar muito das minhas redacções porque eu ainda não sei o que são as vírgulas e a senhora Inspectora disse para quem a quis ouvir e foi pouca gente que as vírgulas são como o alimento dos passarinhos. A gente atira-as ao ar e onde caírem lá ficam à espera dos pombos. Há sempre um que não se engasga. Agora vou brincar que se faz tarde. Eu gosto muito da senhora Inspectora.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gaffe



2 coisas escritas

De Fleuma a 22.02.2017 às 16:42

Eu não gosto da Sra Inspectora.


A Sra Inspectora lembra-me um arroto mal dado.

De Maria Araújo a 24.02.2017 às 20:26




Não usas as vírgulas, Gui, seguramente, não te engasgas.

Escrever uma coisinha