Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



 

 


 Ontem fui votar com a minha família toda. Fomos no tractor do meu tio. No atrelado. O meu tio meteu uns molhos de palha seca que era para o burro e a gente amanhou-se. Sentamos a minha avó no meio para ela não se desequilibrar ainda mais do que o que é e fomos ao Centro de Saúde buscar um atestado para o meu avô que já não consegue ver o papel onde tem de meter a cruz. No Centro de Saúde o senhor doutor foi muito simpático. Só chegou três horas atrasado para passar o atestado e perguntou se o meu avô estava demente que os dementes não podem votar. Acho que só podem ser eleitos. O meu avô disse que só via mal e o senhor doutor deu um papel à minha tia e disse que ela com aquilo já podia votar duas vezes. Depois fomos à minha escola que era onde estava a urna. Eu não pude entrar porque a minha mãe disse que sou caganato mas eu acho que era para eu não ver o morto que depois tenho pesadelos. O presidente da Junta da minha freguesia é muito boa pessoa e prometeu que se ganhasse mandava a Junta ser independente porque transformava a Junta num país autómato assim como fizeram os catalunhezes. Foi pena não ter tido muitos votos. O meu pai disse que foi por causa de não ter sido preso antes do concurso que isto funciona muito por bons conhecimentos que a gente faz na cadeia. Eu ainda esperei um ror de tempo que a minha família se despachasse que eles são muitos e diz que havia muito papel para meter cruzes. A minha avó ficou muito contente porque achou que tinha acertado em três números e numa estrela mas a televisão disse depois que quem ganhou foi a D. Conceição Cristas que até fez uma grande festa com seis pessoas nas Caldas. A minha prima não ficou nada espantada por estar assim tanta gente que até abafava porque quando se faz uma festa nas Caldas aquilo é nunca mais acabar de mulherio. Para a Junta lá em Lisboa ganharam dois homens que a minha prima disse que lhes preenchia o voto na boa mesmo que tivesse de andar com o toco da bandeira do Jerónimo de Sousa na mão ou levar com as trombas da Mortágua que é uma rapariga da esquerda-cavilhar como a minha prima diz que ela é. A minha prima é endireita-chouriços e o que ele tem é raiva. Também vi na televisão o Sr. Passos Coelho a dizer que ganhou as eleições em 2015. A gente já não se lembra disso e o Sr. Passos Coelho também já devia tentar esquecer que tristezas não pagam dívidas e parece que não mas aquilo tudo junto ainda é dinheiro. Eu gosto muito das autraquicas.   

Autoria e outros dados (tags, etc)

Gaffe



3 coisas escritas

De Genny a 02.10.2017 às 13:50

"se o meu avô estava demente que os dementes não podem votar. Acho que só podem ser eleitos." O Gui é tão inteligente! 

De Happy a 02.10.2017 às 18:44

O que eu gostei do texto. Eu a visualizar a carroça, a avó desequilibrada e o avô cegueta...
Parabéns!
Eu votava no Gui!
Ah e a avó que acertava nos números e na estrela!!! 


De Gaffe a 02.10.2017 às 20:38

O Gui não responde porque é  muito envergonhado, mas agradece muito.
:)

Escrever uma coisinha